• Felipe Schadt

As aventuras do Capitão Meia-Bomba


(Imagem: Reprodução/Duke)

> O que é aquilo no céu? Um pássaro? Um avião? Um presidente decente? Não! É o Capitão Meia-Bomba! Forjado à base da inutilidade e incompetência por 30 anos nos confins de Brasília, ele ganhou seus poderes após milagrosamente sobreviver a uma falsa facada, o que lhe deu a capacidade de armazenar todo o excremento do seu corpo em uma bolsa de utilidades que ele carrega em todas suas missões e, ao primeiro sinal de ameaça, lança pela boca todo tipo de porcaria para atacar seus opositores.


Entre os poderes fantásticos do Capitão Meia-Bomba, o mais notório deles é a capacidade de encantar e controlar gado. Sem a necessidade de usar um berrante, ele berra inverdades de todos os tipos ganhando a atenção de bovinos senis que passam parte da sua vida trocando mentiras por um dispositivo que eles chamam de "zap zap".


Além do controle, o Capitão Meia-Bomba também fornece superpoderes a população quadrúpede que é amansada por ele. O gado ganha a incrível capacidade de fazer malabarismos teóricos sem sentidos para tentar explicar situações como o alto preço dos combustíveis, super inflação e casos de corrupção no planalto. Muitos já, inclusive, buscam emprego em circos itinerantes alegando que além de serem malabaristas, são verdadeiros palhaços.


O Capitão Meia-Bomba também é um excelente mágico! Faz desaparecer por 100 anos qualquer caso de corrupção no qual esteja envolvido, impedindo a imprensa - sua arqui-rival -, de investigar. Ele aprendeu esse truque com os seus mestres, "Os Generais De 10 Estrelas Que Ficam Atrás Da Mesa Com O C* Na Mão".


O nosso anti-herói também é anti-vacina e anti-ciência. Conseguiu a incrível proeza de ignorar as insistentes tentativas de contato de empresas farmacêuticas que queriam arrancar o dinheiro do país em troca de vacina. Sua capacidade indubitável de ignorar coisas importantes faz dele um dos maiores ignorantes que essa terra já viu.


O seu histórico de atleta possibilitou que ele transformasse um vírus mortal em apenas uma gripezinha. O que ninguém sabe é que as células do Capitão Meia-Bomba, devido sua alta radiação tóxica, não apenas enfrentou o vírus, como também o contaminou. É isso mesmo! Não era o Capitão Meia-Bomba que estava contaminado com o vírus, era o vírus que estava contaminado com o Capitão Meia-Bomba! Simplesmente fantástico! Azar das mais de 660 mil pessoas que não tinham os mesmos poderes.


A sua arquirrival, a imprensa, pode falar o que quiser do Capitão Meia-Bomba, mas é inegável que ele trabalha duro para melhorar a vida das pessoas. Ele mudou a vida dos seus parentes para melhor! Um dos seus filhos, por exemplo, conseguiu comprar uma mansão de 6 milhões de reais ganhando um salário 200 vezes menor. É ou não é um caso de alguém que melhorou de vida? É que nem todo mundo tem a sorte de ser filho do Capitão Meia-Bomba. Fazer o que?


Ele é incomível (alguém tem coragem de comer?). Ele é imbrochável (afinal, ele tem um estoque ilimitado de Viagra). E acima de tudo, o Capitão Meia-Bomba é imprestável!

Capitão Meia-Bomba, o herói dos vilões!


Conhecimento é conquista. -FS

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo